own..

own..
Say a Little Prayer for You by Aretha Franklin on Grooveshark

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Marquês X Sapucaí

E foi assim o meu pré Carnaval. A ocasião por si me satisfez mais que os 4 dias seguintes que, fora Salvador, já não me desperta tanto entusiasmo...

Tudo começou com a Carla. O que se esperava praquela sexta-feira, véspera dos 4 dias oficiais de folia, era nada mais que uma massa pan coberta de corn and bacon. Em grupo, of course, melhor ainda! "Vamos fazer aqui em casa!" Nessa iniciamos, eu e meu telefone Ching Ling às várias ligações. Começamos pelo pessoal mais animado, que agita até bar mitzvah. Mas esses já se encontravam no Tancredo Neves à espera da invenção de Dumont que os levaria à Sapucaí. Ok. Have a nice trip!

Seguimos então pelos que compõem o front, mas ainda não ocupavam nenhum campo de batalha. Gira me contou uma história tão surreal envolvendo chapéus Panamá que haja céu estrelado. Kizzy... Well, Kizzy não me atendeu até agora! Renata estava com a cabeça em Salvador, pr'onde por milagre, arrastaria o terror do mercado imobiliário. Odon atendeu; mas já estava àquela altura prá lá de Bagdá do Posto Chefão. até retornou mais tarde às ligações perdidas, mas já estavam comprometidos com 2 noivados e 1 Volta ao Mundo. Deu não.

Rodízio de pizza, small group, carnaval é só amanhã... Boa pedida, programinha light!

Da previsão ao fato, o erro nas contas foi astronômico! De sacada a primeira rolha à última gota de vinho foi um pulo só. E durante a sequência, não houve nenhum critério. Na ausência do Belisco (o de carne e osso) nos propusemos a escolher pelo rótulo e não pelas características 'enológicas'. E foi, à mesa ao centro a às taças adentro, o que tínhamos na adega climatizada. De Alma Viva às mesmas penadas...

Lá pelas tantas os amigos do mês fizeram muita falta e como "tá barato pra caramba" fizemos um 21. Vários. Os foliões do piscinão comiam empada no Belzonte. Kizzy não atendeu (!), Odon não entendeu (!)... Clara e Duda Dog, desconfio, desligaram os telefones de seus pais!

O povo da Sapucaí no Rio e os do Marquês em BH. Memorável e insubstituível a presença do casal protagonista (e que está puxando a fila) do Projeto Médico de Novela e Esposa de Médico de Novela. Ergueram as taças e antes do fim do tin-tin rumaram ao sul do país curtir um sarau or something like this.

Conclusão de carnaval: mais vale dois Marquês na mão que ir pra Sapucaí voando!



Tchau e até a próxima. For God, que seja breve, pois foi fantástico!!

Beijos good fellows!

4 comentários:

ccarla2004 disse...

Foi sensacional, que pré carnaval..... Mais uma vez Dri, vc brilhou!!!!!!!Como já disse uma vez, ir a sua casa é prejudicial à saúde..Adoreiiiiii

Laura de Oliveira disse...

Dri, ainda não li os posts, acabei de chegar: mas que EMOÇÃO eu na lista de aniversariantes do NAI!! VIIVAAA!!!!!!! hahahaha

BjO

Laura de Oliveira disse...

:D Nessa enquete tem que ter ENGRAÇADO DEMAIS só engraçado é pouco!!!!

BjO!

Kizzy disse...

Bom... Realmente não atendi, mas não que não quisesse... Celular sem bateria já é desculpa muito esfarrapada? Espero que não... Entre a "Enoteca Decanter" e o "2010", um bar que muda de nome a cada ano...rsrsrsrsrs... estávamos eu, meu irmão e sua chefe alemã, tomando também vinho e coquetéis. Devo dizer que nós 3 tomamos uma garrafa apenas, mas para falar tanto inglês e conseguir ser compreendida, ah... não poderia ser regado a taaaaanto vinho...
Enfim, na próxima tô dentro ok?
A propósito, pra quem disse que não atendi o celular até agora, deve haver uma chamada não atendida no celular de alguém, no sábado lá pelo meio dia, ok? Talvez os Marquês não tenham permitido que visse o telefone tocar...
Chega de falar, né? Mas entre encontros e desencontros, entre falta de bateria e bateria arriada do dia seguinte, o IMPORTANTE É QUE NOS ENCONTRAMOS SEMPRE AQUI...
Beijo especial, Dri...